Em conversa com apoiadores, Jair Bolsonaro (sem partido) aponta para a judicialização da vacina contra a Covid-19. Para o presidente, a questão não é “de justiça e sim de saúde”. O pronunciamento ocorre após sete partidos protocolarem no Supremo Tribunal Federal (STF) ações sobre a vacinação, após Bolsonaro afirmar que não irá autorizar a importação de vacinas da China. O ministro Ricardo Lewandowski será relator do caso.
————————-
Bem-vindo ao canal do UOL no YouTube. Aqui você encontra notícias direto da redação, tudo sobre política, matérias especiais e o melhor do mundo do entretenimento.

** INSCREVA-SE NO CANAL: http://bit.ly/2xolCQ2